insônia

6 práticas que ajudam com a insônia

A insônia é um problema que aflige a vida de milhões de pessoas no Brasil e no mundo. A maioria aponta fatores psicológicos, como ansiedade, estresse e preocupação como principal causa dessa condição.

No entanto, há outras razões que também merecem atenção, a exemplo das questões de saúde, uso de medicamentos e episódios de dor.

Apesar de afetar significativamente a vida da pessoa, causando prejuízos a saúde física e mental, é possível tomar algumas medidas para lidar com a insônia e reestabelecer noites de sono adequado.

Práticas que ajudam com a insônia

Quer saber como contornar a insônia? Veja as dicas abaixo e saiba o que fazer!

1. Tenha horas regulares de sono

Sem dúvidas, procurar criar uma rotina de sono é um dos fatores mais importantes para enfrentar os problemas relacionados à insônia. Sendo assim, procure se deitar e se levantar no mesmo horário diariamente. Programar para uma rotina de sono ao mesmo tempo em que toma outras medidas pode levar a resultados muito satisfatórios!

2. Prepare o ambiente

O ambiente onde dormimos também pode influenciar nos episódios de insônia, por isso, deve ser o mais tranquilo possível. Também vale cuidar da iluminação e procurar regular a temperatura, para que você não acorde com frio ou calor durante a noite.

Para quem tem animais de estimação e deixa os pets dormirem no quarto, talvez, a melhor ação seja arrumar outro cantinho para o bichinho, especialmente se ele tem a mania de subir na cama ou fazer barulho de madrugada.

3. Pratique exercícios

Exercícios físicos são um ótimo recurso para combater a insônia. Atividades moderadas, como caminhada, andar de bicicleta ou nadar, podem contribuir para dissipar a tensão acumulada no decorrer do dia. Entretanto, é importante tomar cuidado para não fazer exercícios muito intensos, como musculação, corrida ou luta, em horários próximos à hora de dormir, pois isso pode deixá-lo alerta e causar efeito contrário, isto é, manter você acordado!

4. Cuidado com os estimulantes

Aqui, o alerta fica por conta da cafeína. Essa substância está presente em várias bebidas que consumimos durante o dia e até mesmo momentos antes de dormir. Logo, procure reduzir a ingestão de bebidas energéticas, refrigerantes e café. Se quiser tomar algo antes de dormir, tente o leite ou um chá de ervas calmante.

5. Relaxe antes de ir para cama

Muitas pessoas desligam o computador e se afastam do trabalho ou estudos minutos antes do horário de dormir. Isso é um problema, uma vez que interfere no processo de preparação do corpo para o sono.

Por isso, a dica é procurar relaxar em todos os sentidos. Por exemplo, ouvir uma música calma para tranquilizar a mente, tomar um banho quente ou até mesmo fazer alguns minutos de yoga leve.

6. Evite o cigarro

A nicotina presente nos cigarros também é um estimulante e, eventualmente, afetará a qualidade de seu sono. Aliás, existem vários estudos relacionando o cigarro a uma maior dificuldade para dormir e mais facilidade para acordar durante a noite. Se não conseguir parar sozinho, converse com um médico para saber o que pode fazer.

Há várias outras práticas que podem ajudar você a acabar com a insônia. Contudo, a recomendação mais importante é procurar um especialista se já tentou várias alternativas e nada deu certo. Como apontamos no início, esse problema pode ter diversas origens, se for algo mais profundo, merece uma investigação!

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como psiquiatra em São Paulo!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

Dr. Deyvis Rocha  | Psiquiatra | CRM-SP 127821

Desenvolvido com pelo iMedicina. Todos os direitos reservados.