transtornos de linguagem

O que são os transtornos de linguagem?

Você já conheceu alguma criança com dificuldade para desenvolver a fala? Geralmente, esse atraso caracteriza um transtorno de linguagem. A impossibilidade de se comunicar corretamente, torna essa condição um grande desafio.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, não deixe de ler o post. A seguir, explicaremos tudo sobre essa dificuldade, desde as suas causas até as formas de tratamento.

Saiba mais sobre os transtornos de linguagem

Trata-se da presença de um desvio nos padrões normais de aquisição da linguagem desde suas etapas iniciais. Porém, apenas o atraso no desenvolvimento da fala não é suficiente para confirmar o diagnóstico.

Isso porque não existe uma idade definida para que a criança adquiria a linguagem falada, sendo uma conquista que varia de pessoa para pessoa. Por isso, a condição ainda é pouco diagnosticada.

Geralmente, os pais começam a perceber problemas no desenvolvimento linguístico na criança por volta dos três anos. As dificuldades são variadas e, quando não tratadas, podem persistir durante a idade adulta.

Como identificar?

As crianças com transtorno de linguagem costumam enfrentar problemas de aprendizagem que comprometem seu desempenho escolar. Além disso, podem desenvolver deficit linguístico-cognitivo.

Existem diferentes tipos de transtornos de linguagem e podem estar relacionados à fala, linguagem, audição ou à voz. Os principais são:

  • dislalia: ocorre quando há um atraso na aquisição dos sons da fala, levando a má articulação e consequente dificuldade para o entendimento do que é falado e inconsistência dos sons;
  • disfemia: trata-se da dificuldade em manter a fluência da expressão verbal, como é o caso da gagueira (tartamudez). Geralmente, vem acompanhada de movimentos corporais com os braços, as mãos, piscar os olhos ou tremor labial;
  • afasia: quando a criança perde parcial ou totalmente a capacidade de expressar os seus pensamentos por sinais e de compreendê-los;

Outros sinais característicos são: dificuldade em combinar palavras para formar frases, troca de sons na fala, dificuldade com verbos ou preposições, invertem a ordem das palavras, fala ininteligível e vocabulário restrito.

Quais são as causas?

Os transtornos de linguagem estão relacionados ao funcionamento anormal da área do cérebro responsável pelo processamento da linguagem, ou seja, o cérebro do paciente não está apto para aprender e processar a linguagem.

Ademais, há também um forte componente genético na origem dessa condição, afetando a organização das áreas cerebrais responsáveis pela linguagem. As causas desse transtorno podem envolver aspectos degenerativos, lesionais, ambientais ou emocionais.

Como é o tratamento?

O primeiro passo para o tratamento é a identificação pelos pais. Para isso, é preciso estar atento ao desenvolvimento da criança. Geralmente, no primeiro ano de vida elas já começam a falar as primeiras palavras e a partir dos dois anos já formam pequenas frases.

Quando esse desenvolvimento não ocorrer, os pais precisam buscar orientação profissional o quanto antes. Esse tipo de atraso no desenvolvimento pode ser tratado e acompanhado por um profissional de saúde mental.

Ainda, com o tratamento, há uma menor chance de persistência dos sintomas, de repercussões na vida escolar e no desempenho afetivo e social. Ademais, o fonoaudiólogo também exerce um papel importante para acelerar o desenvolvimento da fala.

Portanto, com a leitura deste post, você aprendeu tudo o que precisa sobre os transtornos de linguagem. Caso haja alguma suspeita, procure assistência médica especializada o mais breve possível.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como psiquiatra em São Paulo!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

Dr. Deyvis Rocha  | Psiquiatra | CRM-SP 127821

Desenvolvido com pelo iMedicina. Todos os direitos reservados.