insônia

5 problemas que podem derivar da insônia

Enquanto muitas pessoas imaginam que dormir é uma perda de tempo, quem sofre de insônia precisa lidar diariamente com as consequências dos problemas decorrentes de noites incompletas.

Uma boa noite de sono, sem grandes perturbações e com a quantidade de tempo adequada, é essencial para evitar muitos problemas de saúde.

Quando esse período é prejudicado, as pessoas, em boa parte dos casos, não têm disposição para a execução de tarefas diárias, já que ficam irritadas, cansadas ou com sonolência excessiva.

Como consequência, há muito mais dificuldade para se concentrar, trabalhar ou estudar, por exemplo.

A seguir, vamos conhecer alguns problemas de saúde que podem surgir como resultado da insônia. Acompanhe e entenda como sua vida pode estar sendo prejudicada!

Condições de saúda que podem estar relacionadas com a insônia

Há estudos que comprovam que pessoas adultas que dormem menos de 7 horas por noite ficam mais propensas a desenvolver uma série de problemas e saúde. Muitas dessas condições podem contribuir ainda para o surgimento de doenças subjacentes. Dentre os quadros que podem surgir ou se agravarem com a insônia temos:

1. Ansiedade

Aqui temos um problema de mão dupla. Por um lado, a ansiedade pode intensificar o quadro de insônia do indivíduo. Do outro, ela pode surgir pelo fato de a pessoa reconhecer seu problema com o sono, mas não conseguir resolver.

Além disso, a união dessas duas condições pode induzir o indivíduo a ficar dependente de vários remédios ou de substâncias como o álcool, especialmente quando não procura por ajuda especializada para tratar a raiz do problema.

2. Pressão alta

Normalmente, a pressão desce quando o sono é suficiente. Ter insônia significa que a pressão arterial permanecerá elevada por um tempo muito mais prolongado. Lembrando que a hipertensão figura como um dos principais riscos de derrame e doenças cardíacas.

3. Diabetes tipo 2

A diabetes é uma doença que leva ao aumento dos níveis de açúcar no sangue, sendo que uma de suas principais consequências são os danos que podem ser causados aos vasos sanguíneos.

Alguns estudos demonstram que pessoas com insônia crônica ou algum outro problema que interfira no sono tendem a ter maiores dificuldades para melhorar o controle de açúcar no sangue.

4. Obesidade

Em qualquer fase da vida, as boas noites de sono são essenciais para a manutenção da saúde. Por outro lado, a privação pode ocasionar um ganho de peso prejudicial para a saúde da pessoa.

Isso ocorre porque não dormir o bastante pode afetar a parte do cérebro responsável por controlar a fome. Aqui, vale voltar a atenção para as crianças e adolescentes, pois precisam dormir mais que pessoas adultas.

5. Depressão

Outro caso de mão dupla. A pessoa que sofre com esse transtorno pode ter mais trabalho para conseguir adormecer. Já a insônia entra em cena afetando a cabeça do individuo de forma tão significativa que seu quadro depressivo possa até mesmo ser intensificado

Como se isso não fosse ruim o suficiente, as noites mal dormidas podem levar a sujeito a ter menos cuidado com a sua saúde, incluindo o abandono do tratamento da depressão.

Essas não as únicas doenças que podem surgir ou piorar devido a insônia. Por isso, quanto mais cedo a pessoa procurar ajuda especializada para lidar com seu problema, melhor será para a sua saúde a médio e longo prazo.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como psiquiatra em São Paulo!

Comentários

O que deseja encontrar?

Compartilhe